2 de fevereiro de 2012

No Mais Profundo Silêncio



De esperas construímos o amor intenso e súbito
que encheu as tuas mãos de sol e a tua boca de beijos.
Em estranhos desencontros nos amamos.
Havia o rio mas sempre ficávamos na margem.
Eu tocava o teu peito e os teus olhos e, nas minhas mãos,
a tarde projectava as suas grandes sombras
enquanto as gaivotas disputavam sobre a água
talvez um peixe inquieto, algo que nunca pudemos ver.
As nossas bocas procuravam-se sempre, ávidas e macias
E por muito tempo permaneciam assim, unidas,
machucando-se, torturando as nossas línguas quase enlouquecidas.
Depois olhávamo-nos nos olhos.
No mais profundo silêncio.
E, sem palavras,partíamos com as mãos docemente amarradas
e os corações estoirando uma alegria breve
Quando a noite descia apaixonada
Como o longo beijo da nossas despedida.

Joaquim Pessoa

Bocas OnLine

10 comentários:

QUIM disse...

Adoro Joaquim Pessoa.....esse texto muito bom."Quando a noite descia apaixonada
Como o longo beijo da nossas despedida."
Hummmmm..Dejávu.bj

boa noite e bons sonhos.

Seraphyta disse...

Quim,

Obrigada...AdoraMos O Joaquim Pessoa :))

Boa noite e que os anjos velem o teu sono.

Bj

QUIM disse...

Seraphyta..fazendo turno da noite...pr isso eles que velem os teus...bj....a foto...sugestiva..rs....

Hugo de Macedo disse...

Confesso que desconhecia este texto...mas cativou-me em pleno, obrigado por teres partilhado!

Seraphyta disse...

Hugo,

Obrigada pelo comentário.
É sempre um prazer partilhar o que me move com os demais.

Bj

Anónimo disse...

A espera stranger, a eterna espera:
«Esse fogo consumido queima ainda a lembrança do sul, a sua extrema dor anoitecida.
Não vens jamais.
O teu rosto é a relva mutilada dos passos em que me entristeço, a absoluta condenação.
...
Ocultarei, na agonia das casas, uma pena que esvoaça, a nudez de quem sangra à vista das catedrais.
O meu peito abriga as tuas sementes, e morre...»
José Agostinho Baptista, Despedida (excerto)

Seraphyta disse...

Dear Stranger,

WOW...Gostei do excerto. Excelente!

Obrigada!! :)

Bj

Anónimo disse...

E o que resta depois disso tudo?

http://www.youtube.com/watch?v=T_uvgm2_hRk

Seraphyta disse...

Anónimo,

Gostei da escolha musical [gostei muito]

:))

Seraphyta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.