29 de janeiro de 2012

Fica Só Um Minuto Mais...

Foste tu que me meteste nisto e depois desapareceste.
Tenho saudades tuas, do teu génio, do teu riso, das tuas brincadeiras de palavras.
Tu nunca foste bem deste mundo, e agora, dizem-me, retiraste-te de vez, para sempre.
Eu nunca quis conhecer ninguém conhecido.
Na nossa última conversa telefónica, disseste-me, mentindo certamente, que querias muito continuar a falar comigo, a corresponder-te comigo, mas que não me deixavas ver-te, que pesavas  cento e trinta quilos. Mandei-te à merda.
Eu gostava de te dar mais um abraço, apesar de tudo.

[...]

Por isso chegou o tempo de nos refugiarmos em secretas paisagens, de nos perdermos um do outro, de não poder voltar a abraçar-nos num derradeiro abraço.

[...]

Pedro Paixão

Bocas OnLine

6 comentários:

QUIM disse...

agente conhece-se...rs..rs..
Como te di-se Pedro Paixão me marca muito...me dilacera porque ele escreve coisas que me identifico...
haaa...as dores que ficam essas são sempre eternas..ficam dormentes mas ficam ...bj..
cad vez mais aqui.bj

Anónimo disse...

Já há muito tempo que não lia Pedro Paixão, fizeste-me vontade de o reler: «Há dias, sabes, em que gostava de ser como o gato e que me tocasses sem desejar encontrar quaisquer sentimentos a não ser o que se exprime num espreguiçar muito lento - um vago agradecimento? - e que depois me deixasses deitado no sofá sem que nada pudesses levar da minha alma, pois nem saberias o que dela roubar.» Pedro Paixão

Seraphyta disse...

Quim,

Temos em comum a paixão pelo Pedro Paixão [rsrsrsrs]
Pedro Paixão...Sempre!
A sua escrita é intensa, violenta, apaixonante...e tudo isto é como viver no fio da navalha.

Beijo

Seraphyta disse...

Anónimo,


É isso ai
Os passos vão pelas ruas
Ninguém reparou na lua
A vida sempre continua

[...]

E lembrei-me, não sei porque da música

http://www.youtube.com/watch?v=Q3fXy1ABdmY

Obrigada pelo comentário.

Beijo

Anónimo disse...

Não consigo gostar das adaptações que os brasileiros tanto gostam de fazer de musicas de outros, nem mesmo das do Caetano Veloso. E esta não foge à regra, gosto bem mais do original do Damien Rice que até foi banda sonora do Closer:

http://www.youtube.com/watch?v=0KaxoRXmdSY

"hello stranger"

Seraphyta disse...

Hello Stranger,

Obrigada pelo link.
Um filme a não esquecer...eu não o esqueço.